2018/06/19

2018/06/15

Arraial nos Casais da Serra

não lhe chamaria tanto um arraial, mas mais um encontro para comer, beber e conversar com música de fundo.

Desta vez já houve sangria muito boa, um molotof que era um espanto, um caldo verde excelente até perceber que levava alho-francês (não sei cozinhar, mas caldo-verde NÃO leva alho-francês).


2018/06/14

horas de almoço

Este primeiro foi um pequeno-almoço com tempo e muita chuva 


Este um almoço de ... 25min, até me ficou a doer o estômago


Este foi outro de 20min


várias "horas" de almoço, com várias pessoas e em diversos locais

2018/06/05

Mercado Oitocentista - Arruda dos Vinhos II

e continuando com os desenhos

estive a ouvir a orquestra a ensaiar na Igreja Matriz


havia teatro de robertos, tão violeto de um dos bonecos foi decapitado, ehehehee
e personagens integradas no Mercado



Uma das melhores coisas do Mercado, um carrossel todo de madeira, em que o motor era o dono que andava numa "bicicleta" e tinha um sino para avisar sobre o inicio e o fim das corridas

os "cavalinhos" eram cilindros de madeira, borrados a lã de ovelha, com cornos para simular cabrinhas e carneiros

Lindo mesmo

2018/06/04

Mercado Oitocentista - Arruda dos Vinhos

gostei imenso
já ando desconfiada com tanto mercado medieval e afins, mas o da Arruda dos Vinhos está mesmo muito giro.
Muitas bancas, concentrado nas ruas antigas e estreitas e nos  Largos principais, sem espaços vazios entre zonas do Mercado.
E ainda havia gente a fazer queijos frescos excelentes e torricado.

Primeiro fui logo visitar o burro e o Largo da Igreja Matriz


Andei pelo Chafariz (e esqueci-me do Jardim)


Fomos almoçar


e voltamos para a tarde




2018/06/01

Fomos ver uma sessão de Reiki a cães

aos grandes ainda percebia, agora aos bebés, nah, se eu os agarrar ao colo também lhes faço "Reiki", é só agarrar, dar beijinhos e festas e já está


2018/05/29

tudo mais calmo

o metro pela manhã é um sofá

e a hora de almoço estava calma, calma. Até dava para desconfiar


2018/05/27

Mostra Solidária em Mafra

com actuação do Rancho de Folclore da Malveira, e o Grupo Intergeracional de Canto das Entidades de Apoio Social, que até o "Pica do 7" cantaram.

e depois actuação de acordeão, mas já não fiquei para ver.


Muitas barraquinhas solidárias, eu vim de lá com várias coisas.

os grandes e os pequenos

A diferença de tamanho entre o adolescente e as avós tinha mesmo que ficar registado


2018/05/24

o minímo de traços

era o objectivo, mas afinal não foi cumprido


ah e o tempo raramente chega para a cabeça se começo pelo corpo

2018/05/23

Tivemos festa no C.Montachique

Os Cavaquinhos da Ericeira foram actuar no 100º Aniversário do Grupo Recreativo do Cabeço de Montachique.

Quando chegámos (fomos dos primeiros) deu para ver a sala enfeitada com todo o cuidado, era nitido que muitas meninas tinham participado  na decoração.

Logo de seguida chegou o almoço com muita coisa, mas em especial porco no espeto e uma sopa da pedra que receberam muitos elogios




Muita emoção pela direcção que está de saída e uma coisa gira, os Presidentes das 3 juntas de freguesia que "tomam conta" do Cabeço de Montachique, Lousa, Fanhões e Milharado ou estiveram presentes ou enviaram representante, que foi o caso do Milharado que vai participar no encerramento da festa no dia 26 de Maio.



Parabéns G.RC.M.


2018/05/22

Fomos à praia

e chegámos antes das 10:00h.

Finalmente consegui chegar a uma praia limpinha e vazia
a uma água fresquinha, transparente e com as cores mais bonitas que se possam imaginar
Até o sol ainda estava a lavar a cara no nevoeiro



para além do passeio pela praia, de ter trazido mais umas gramas de areia para casa, umas conchas e uma pedra única, ainda comprei 2 cadernos e 2 canetas que estavam mesmo em falta.

E ainda antes do final do dia tivemos visitas para o lanche


2018/05/21

lembro-me sempre da frase "eu é que sou o Presidente da Junta"

quando esta senhora aparece na paragem, no alto do seu metro e 60, mas com saltos de 15 cm, e se coloca logo pronta para entrar em primeiro lugar no autocarro, ignorando por completo as restantes, no mínimo 10 pessoas que já lá estão e que ela conhece bem, lembro-me sempre da rábula:

"Eu é que sou o Presidente da Junta" , por isso eu tenho prioridade sobre vocês todos, seus pobres